terça-feira, 24 de abril de 2018

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

O Pinheirinho de Natal

Era uma vez, lá no Bosque das Mil Cores, um Pinheirinho que tinha sido plantado há tão pouco tempo que mal podia ficar em pé. O vento e a chuva eram tão fortes que os frágeis ramos estavam a morrer. Passou a tempestade e veio o sol, com ele vieram os pássaros, as borboletas e a alegria. O Pinheirinho e estavam tão contente porque pensava que as aves iriam pousar nos seus ramos, que começou a rodopiar. As árvores mais velhas que o rodeavam, não paravam de gozar com ele. Quem iria escolher uma árvore tão feia para rodopiar. O Pinheirinho triste, nada disse, apenas pensou, um dia vou crescer e a todos impressionar. Os meus ramos acolherão os ninhos dos pássaros, o meu verde encantará as borboletas e todos me respeitarão. Os anos passaram e o pequenino Pinheirinho transformou-se numa árvore esbelta. Num Inverno, perto do Natal, ouviu um grito estranho que fez com que as árvores mais belas tremessem de medo. Era o grito do Machado do Lenhador que tudo cortava e destruía. O som era cada vez mais forte e estava cada vez mais perto. Até que o Pinheirinho viu um homem a olhar para ele e a preparar o machado para o cortar. Até que o machado parou no ar e o homem disse:
- “É uma pequena árvore no mundo, mas uma grande árvore no Bosque das Mil Cores. Não te cortarei pois és tão grande e lindo que mereces viver até sempre como o Pinheiro de Natal”.
Na manhã seguinte, o homem regressou com crianças para admirar o Pinheiro. Naquele momento, a brisa que brincava nos seus ramos disse-lhe:
-“ Parabéns Pinheiro, simbolizas a alegria, o calor e a esperança eterna no Menino Jesus”.


Furnas, 13/12/17
                                                                                                
Texto da autoria de Afonso Costa, 6º1
                                                                                         EB1,2,3/JI de Furnas


segunda-feira, 11 de dezembro de 2017


                                                      EB 1,2,3 de Furnas

Os alunos do 6º ano realizaram trabalhos de pesquisa no âmbito da disciplina história geografia e cultura dos Açores sobre a gastronomia local, fazendo um levantamento sobre pratos regionais.


Os trabalhos realizados estão expostos na Biblioteca.





quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Dia da Imaculada Conceição

Feriado

Próximo Dia da Imaculada Conceição 8 de Dezembro de 2017 (Sexta-feira)
No dia 8 de dezembro celebra-se o dia da Imaculada Conceição.
Este dia invoca a vida e a virtude de Virgem Maria, mãe de Jesus, concebida sem
 marca do pecado original. É uma data de grande significado para a Igreja Católica.
Neste dia realiza-se uma festa religiosa que celebra um dogma católico definido
como festa universal em 1476 pelo Papa Sisto IV. Pela sua importância, a data é
feriado nacional.
Em 25 de março de 1646, o rei D. João IV organizou uma cerimónia solene, em Vila Viçosa, para agradecer a Nossa Senhora a Restauração da Independência de Portugal em relação a Espanha. Foi até à igreja de Nossa Senhora da Conceição, declarando-a padroeira e rainha de Portugal. Desde este dia, mais nenhum rei português usou coroa na cabeça, privilégio que estaria disponível apenas para a Imaculada Conceição

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

‘’ Projeto dia das profissões ‘’
  
A escola deve ser um lugar onde os alunos se sintam bem e aprendam conteúdos que lhes possam conferir ferramentas para enfrentar um futuro que se aproxima a passos largos. Cada aluno tem a sua especificidade e desenvolve as suas competências de forma diferente e com objectivos de vida diferentes. Por isso, durante este ano lectivo foi implementado um projecto inovador intitulado “O dia das Profissões”, na Escola 1,2,3 JI das Furnas envolvendo as turmas dos 8º e 9º anos. Este projecto consiste em trazer à escola convidados de vários quadrantes profissionais para darem uma palestra sobre a sua profissão e a importância da escola na escolha de uma profissão de futuro. Estas palestras têm vindo a decorrer na biblioteca da Escola 1,2,3 JI das Furnas com muito sucesso comprovado pelo feedback dos convidados e dos alunos participantes.